<img src="https://mc.yandex.ru/watch/96881261" style="posição:absoluta; esquerda:-9999px;" alt=""/>

PCB rígido fotoelétrico

  • PCB rígido fotoelétrico-(1)
  • PCB rígido fotoelétrico-(2)
  • PCB rígido fotoelétrico-(3)
  • PCB rígido fotoelétrico-(4)
  • PCB rígido fotoelétrico-(5)

Alta taxa de entrega

Ao longo dos anos, estamos orgulhosos de ter mantido uma taxa de entrega dentro do prazo de 99%. Sabemos que, além da qualidade do PCB, o outro fator mais importante é o menor prazo de entrega possível, o que é crucial para os trabalhos de P&D dos engenheiros, principalmente na fase de prototipagem. Trabalhamos em três turnos para garantir que seus PCBs estejam em sua mesa conforme combinado e o mais cedo possível.
Consulta personalizada

VISÃO GERAL

Item PCB rígida
Camada máxima 60L
Traço/espaço mínimo da camada interna 3/3mil
Rastreamento/espaço mínimo da camada externa 3/3mil
Camada interna Max Copper 6 onças
Camada externa de cobre máximo 6 onças
Perfuração Mecânica Mínima 0,15mm
Perfuração mínima a laser 0,1 mm
Proporção de aspecto (perfuração mecânica) 20:1
Proporção de aspecto (perfuração a laser) 1:1
Tolerância do furo de ajuste de pressão ±0,05mm
Tolerância ao PTH ±0,075 mm
Tolerância NPTH ±0,05mm
Tolerância de escareamento ±0,15 mm
Espessura da placa 0,4-8mm
Tolerância de espessura da placa (<1,0 mm) ±0,1 mm
Tolerância de espessura da placa (≥1,0 mm) ±10%
Tolerância de Impedância Single-Ended:±5Ω(≤50Ω),±7%(>50Ω)
Diferencial:±5Ω(≤50Ω),±7%(>50Ω)
Tamanho mínimo da placa 10*10mm
Tamanho máximo da placa 22,5*30 polegadas
Tolerância de contorno ±0,1 mm
BGA mínimo 7mil
SMT mínimo 7*10mil
Tratamento da superfície ENIG, dedo de ouro, prata de imersão, estanho de imersão, HASL (LF), OSP, ENEPIG, ouro flash; chapeamento de ouro duro
Máscara de solda Verde, preto, azul, vermelho, verde mate
Folga mínima da máscara de solda 1,5 mil
Barragem mínima de máscara de solda 3mil
Lenda Branco, preto, vermelho, amarelo
Largura/altura mínima da legenda 4/23mil
Largura do filé de tensão /
Arco e torção 0.3%

Uma PCB rígida é uma placa de circuito sólida com uma estrutura inflexível. Devido à sua estrutura, não podem ser dobrados em pequenos dispositivos e devem ser fabricados com precisão. Eles são projetados com diversas camadas diferentes, como cobre, substrato, máscara de solda e serigrafia. Todas essas camadas são unidas com adesivo.

No caso da PCB rígida fotoelétrica, temos uma seção de placa de circuito rígida que possui pelo menos 1 condutor e camada isolante. Também pode ter algumas seções flexíveis que permitem dobrar e encaixar em dispositivos eletrônicos menores. Eles também possuem pontos de conexão elétrica externos para adicionar substrato sobre elementos ópticos. 

Estes são adicionados às seções rígidas, enquanto os componentes do circuito óptico são adicionados às seções flexíveis. Os componentes fotoelétricos dos PCBs rígidos permitem que eles liberem mais energia quando a radiação eletromagnética atinge. Neste artigo, discutiremos PCBs rígidos fotoelétricos com mais detalhes e seus recursos. 

Necessidade de PCB rígido fotoelétrico

Uma placa de circuito impresso (PCB) é útil no suporte e conexão de componentes eletrônicos por meio de traços, blocos e sensores. Essas características são gravadas em folhas de cobre em um substrato não condutor. 

Os PCBs variam, pois podem ser unilaterais, bilaterais ou multicamadas. As conexões entre as camadas usam orifícios revestidos chamados vias. PCBs avançados podem incorporar componentes como capacitores ou resistores em substratos

O crescimento dos serviços multimídia, incluindo telefone, TV a cabo, TV digital e Internet, impulsiona a demanda por PCBs fotoelétricos devido ao aumento das necessidades de largura de banda. Nos sistemas tradicionais, a transmissão do sinal e as velocidades de comutação são limitadas. 

Por exemplo, as frequências da CPU estão entre 2 e 2,9 GHz, enquanto as velocidades de telecomunicações atingem gigabits por segundo. No entanto, a transmissão do barramento do computador fica atrasada entre 10 e 100 Mbps, criando gargalos. Portanto, esses problemas podem ser resolvidos com componentes PCB de alto funcionamento. 

Com os avanços na tecnologia, computadores internos baseados em luz e soluções de interconexão estão disponíveis. Parâmetros parasitas como resistência, indutância e capacitância limitam a taxa de transmissão das conexões de fios. Os parâmetros parasitas também podem ser afetados pela geometria do PCB. 

O material FR-4 opera a 70% de velocidade da luz, o que é insuficiente para muitos campos. As interconexões baseadas em luz oferecem vantagens: maior largura de banda, menor perda de transmissão, crosstalk reduzido e interferência magnética. A transmissão óptica permite a transmissão paralela de vários comprimentos de onda.

Em resposta, o conceito de PCB fotoelétrico integra luz e eletricidade para transmissão de sinal, melhorando os substratos de embalagem. Esta evolução dos PCBs tradicionais integra uma camada leve, mesclando tecnologias de transmissão elétrica e óptica.

Componentes de PCB rígido fotoelétrico

Aqui estão os componentes dos PCBs fotoelétricos. 

Placa de Circuito Impresso (PCB)

O material base do PCB é feito usando reforçado com fibra de vidro com laminado epóxi. Esta parte da PCB oferece uma estrutura rígida à placa para adicionar componentes elétricos e vias. 

Componentes fotoelétricos

Elementos que respondem a sinais luminosos e ópticos são adicionados ao PCB. Eles podem incluir diodos emissores de luz, fotodiodos, sensores ópticos e fototransistores. Esses componentes garantem as funcionalidades fotoelétricas do PCB. 

Os elementos ópticos são montados sobre a parte rígida da PCB. Além disso, o percurso óptico é realizado sobre a porção flexível. 

Conexões ópticas

Essas interconexões com fibras ópticas e fios são adicionadas para garantir que o PCB possa transmitir e receber sinais. As conexões ópticas permitem que o PCB reaja de acordo com o estímulo usando luzes. 

Circuitos

Os circuitos na PCB permitem que os componentes fotoelétricos enviem sinais, amplifiquem-nos ou filtrem ruídos desnecessários antes da transmissão. Isso torna o processamento rápido e confiável em dispositivos de alta tecnologia. 

Características de PCBs rígidos fotoelétricos

Um PCB rígido fotoelétrico usa novos substratos de embalagem para atender às altas necessidades de computação. Seu principal objetivo é transmitir os dados coletados de sinais elétricos para sinais ópticos. 

Todo esse trabalho é feito utilizando eletricidade e como a PCB fotoelétrica responde à luz. Esses PCBs são úteis em sensores, computadores de alta tecnologia e tipos de máquinas.

Os PCBs terão características que correspondem aos componentes elétricos. Aqui estão alguns deles: 

Transmissão de dados em alta velocidade

PCBs fotoelétricos emitem transmissão de dados em alta velocidade com seus componentes sensores de luz. Isso é possível com a ajuda de uma detecção mais rápida de sinais elétricos e da emissão desses dados em uma taxa mais rápida, mesmo quando a distância de transmissão é maior que o normal. 

Baixa interferência eletromagnética

Esses PCBs apresentam menor interferência eletromagnética durante a transmissão do sinal. Isto é ideal para dispositivos sensíveis em ambientes com altas ondas eletromagnéticas. Os dispositivos poderão funcionar normalmente sem qualquer interação. 

Tamanho compacto

Os PCBs rígidos fotoelétricos são pequenos em tamanho, portanto podem caber em dispositivos em miniatura e deixar espaço para adicionar mais componentes. Isso é benéfico quando há um limite de tamanho e peso para os dispositivos eletrônicos. Dispositivos portáteis de alta tecnologia são adequados para esses PCBs rígidos.

Confiabilidade

Esses PCBs oferecem alta confiabilidade mesmo quando executados em temperaturas extremas, estresse mecânico e umidade. Como resultado disso, novos dispositivos de design podem ser fabricados, aumentando o escopo dos PCBs HD com recursos avançados.

Versatilidade

Miniaturização da eletrônica e os recursos de alta definição tornam os PCBs rígidos fotoelétricos versáteis em design e funcionalidade, resultando em eletrônica aeroespacial e automatizada confiável. Além disso, dispositivos médicos flexíveis e wearables com recursos ópticos podem ser fabricados usando placas de circuito impresso fotoelétricos. 

Personalização

As placas de circuito fotoelétrico são fáceis de personalizar para diversas aplicações. Os projetos podem ser personalizados para layout de PCB, camadas de substrato, vias e componentes eletrônicos na região rígida.

Como são fabricados PCBs rígidos fotoelétricos 

Várias etapas são seguidas na fabricação de PCBs para combinar várias camadas na placa.

Projeto

A etapa inicial é projetar os componentes e camadas da PCB, incluindo todos os circuitos, furos e interconexões. Softwares como Proteus, Altium, KiCad, Cadence e DesignSpark podem ser usados para projetar as placas de circuito. 

Seleção de substrato

Um material de substrato é crucial na fabricação de PCB. O laminado epóxi reforçado com fibra de vidro funciona melhor para placas rígidas. Outras opções incluem FR-1, G-10 para PTFE, alumina e Kapton. 

Impressão em camadas

Com o processo de impressão em tela ou jato de tinta, o layout do circuito é impresso sobre o material do substrato. Marcas de via, traços e blocos podem ser impressos nesta etapa. 

Unindo os componentes

Vários componentes fotoelétricos, como sensores e LEDs, são adicionados ao substrato. Além disso, a montagem em superfície com circuitos integrados e capacitores é concluída. Estes são colocados nos componentes pré-fabricados impressos no substrato. 

Gravura 

O excesso de cobre é removido do substrato, deixando apenas o padrão de circuito necessário. Isso também adiciona definição aos caminhos e traços condutores. 

Perfuração

Usando máquinas CNC, furos são feitos na PCB para montagem de componentes e vias. Esses furos ajudam a formar interconexões e adicionar mais componentes. 

Acabamento de superfície

Chapeamento de solda de ar quente(HASL), imersão em prata e ouro de imersão em níquel eletrolítico(ENIG) é colocado sobre o padrão do circuito de cobre exposto. Isto protege o substrato de várias mudanças ambientais e de temperatura.

Máscara de solda

Uma máscara de solda é adicionada sobre o PCB como isolamento para os traços condutores. A próxima etapa é a impressão em seda dos logotipos, números de referência e nomes de componentes no PCB. Por último, o PCB passa por testes de qualidade para garantir que funciona conforme pretendido.

Formulários: 

  • Dispositivos automatizados com sensores
  • Transmissores de dados de alta velocidade
  • Sensores ópticos
  • Dispositivos médicos
  • Radar e sistemas de comunicação militar

Empacotando 

Agora você já sabe tudo sobre placas de circuitos fotoelétricos e como elas funcionam com estímulo óptico e sua rápida detecção. Para fabricar uma PCB rígida fotoelétrica de alta qualidade, comece projetando e adicionando os recursos ópticos que você deseja nos dispositivos. Além disso, você precisará de componentes premium para adicionar aos PCBs. Conecte-se com fabricantes confiáveis para projetar e fabricar PCBs fotoelétricos. 

Precisa de PCB/PCBA/OEM? Obtenha um orçamento grátis agora!

pt_PTPortuguese